Os Suspeitos do Costume

Objetivos:

A exposição Os Suspeitos do Costume é o resultado das várias campanhas de monitorização efetuadas nas praias portuguesas, no âmbito das atividades do Programa Bandeira Azul. Durante essas ações foi notória a predominância de certos itens e impôs-se uma reflexão sobre as suas origens, os seus impactos, os seus tempos de degradação e as formas de os reduzir.

Assim, com esta exposição apresentamos os resíduos mais encontrados em limpezas de praia, promovendo uma reflexão sobre as suas origens e sobre o impacto na nossa vida.

Os suspeitos são acompanhados pelas suas “penas de prisão”, ou seja, por peças em PVC, que indicam o tempo de duração dos resíduos no mar. Estas peças devem ser colocadas junto à exposição e ajudam a sensibilizar para o impacto dos resíduos.

Acompanham ainda a exposição folhetos com propostas de Boas Práticas, ou seja, recomendações de comportamentos do dia-a-dia que reduzam estes suspeitos do costume.

Enquadramento da exposição

Idades

Todas as Idades

Materiais

9 painéis de PVC, com 60x45cm:

  • 6 painéis com os resíduos mais comuns, os suspeito do costume;
  • 1 painel com itens mais invulgares (os mais insólitos);
  • 1 painel com os habitantes naturais das praias;
  • 1 painel com a apresentação da exposição;
  • 22 peças com a indicação do tempo de degradação dos resíduos.

A exposição pode ser requisitada, por um período máximo de 15 dias, através do contacto para o email: bandeira.azul@abae.pt ou para o número: 21 394 27 42. A sua requisição não tem custos associados, para além do transporte.


Folhetos que acompanham exposição